Projeto de vereadores causa revolta nas redes sociais

Presidente da Câmara Delei da Borracharia é um dos autores do projeto

Um projeto de lei que foi protocolado ontem na Câmara de Nova Venécia causou grande repercussão nas redes sociais. O projeto tem como finalidade revogar uma lei de 2017 que proíbe que doadores de campanha ou seus parentes próximos sejam nomeados para cargos comissionados pelos beneficiados pelas doações, como uma espécie de “troca”.

Assinaram o projeto os vereadores Delei da Borracharia, Dega do Altoé, Zé Luiz do Cricaré, Tião da Celestrina, Damião Bonomete, Jorge Machado, Juarez Oliose e Pedro Gonçalves.

Muitas pessoas postaram a pauta da sessão no Facebook, Instagram e nos grupos de Whatsapp chamando o projeto de imoral e de retrocesso. Outros chegaram a dizer que revogação tem como finalidade permitir a nomeação de um dos coordenadores de campanha do prefeito André Fagundes. Internautas chegaram a afirmar que vão acionar o Ministério Público para tomar conhecimento desse projeto.

Um renomado advogado postou no seu Facebook : “Particularmente, considero um grande retrocesso e uma chance de beneficiar somente quem visa, através da política, interesses próprios. Será lamentável se for aprovada.”

Se for aprovada a lei pode ser vetada pelo prefeito André Fagundes, numa demonstração que não tem interesse em nomear doadores de sua campanha. Se sancionar, e nomear algum doador em seguida, poderá ficará claro qual foi o interesse na revogação.

O caso promete repercutir bastante ainda.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here